APOGER NOTÍCIAS

As matérias-primas secundárias vão ser as vedetas até 2030

Sabia que:

– Os resíduos que nós tratamos e que se transformam em matérias-primas secundárias, vão substituir 35% das matérias-primas virgens até 2030?

– Os produtos vão passar a ser desenhados e fabricados para terem um período de vida mais longo e serem de fácil reutilização, levando esta situação a uma queda na compra de novos equipamentos em cerca de 1% na procura anual?

Os resultados de um estudo científico sugerem que a extração de matérias-primas reduzirá, em 2030, cerca de 10%, variando conforme o tipo de materiais, por exemplo, diminuição de 27% na extração de metais, de 8% nos produtos florestais e de cerca de 7% nos minerais não metálicos.

Os resultados sugerem, ainda, que, o emprego aumentará em cerca de 3%, beneficiando os trabalhadores altamente qualificados no setor dos serviços, especialmente mulheres, e afastando-se dos empregos pouco qualificados nos setores primário e secundário.

Apesar de ideal, os investigadores defendem que este cenário poderá ajudar numa primeira análise sobre as possíveis implicações de uma plena economia circular.

.

Retirado de: “Science for Environment Policy”: European Commission DG Environment News Alert Service, edited by SCU, The University of the West of England, Bristol.

132 visualizações

Publicada em:

Download| PDF